sexta-feira, 24 de novembro de 2017

10 coisas que ninguém nos conta sobre o Luxemburgo

Três meses a viver no Luxemburgo ensinaram-me algumas coisas engraçadas sobre este pequeno país. Algumas delas tão peculiares, que resolvi partilhar. Há coisas que ninguém nos conta, acabamos por ser nós a descobrir. Deixo-vos a minha seleção:

1) O Luxemburgo inteiro está em obras. Por onde quer que andem, vai haver sempre um novo prédio a ser construído, um passeio a ser reparado, uma estrada em obras. Sabem o progresso? Ok, no Luxemburgo multipliquem isso por mil.

2) A água da torneira seca imenso a pele. Eu nunca fui muito de precisar de usar creme hidratante para o corpo. Mas a água do Luxemburgo tem muito calcário e, consequentemente, seca muito a pele. Em apenas três meses, gastei duas embalagens de hidratante.

3) Não é preciso validar/mostrar o passe no autocarro. Pois é, nem existem leitores de passes no autocarro. O resultado? Muita gente a poupar muito dinheiro. Eu arrisquei algumas vezes YOLO, quando saí da cidade (o meu passe só abrangia autocarros da cidade) e, felizmente, não me aconteceu nada. Mas atenção que, se um revisor aparece, a coima é de 150€.

4) Não há contentores de reciclagem. No Luxemburgo funciona assim: vamos à Câmara Municipal, pedimos uns sacos azuis a dizer "ValorLux" e enchemo-los de plásticos e vidros (o papel vai para contentores, mas há poucos). Num determinado dia da semana, esses sacos cheios são colocados nos passeios, em frente às casas, e um carro passa para os apanhar. Não gostei disto, pois não achei prático, além de achar feio ver a rua cheia de sacos de lixo.

5) Poucas embalagens de plástico são recicláveis. Desde sempre que reciclo e, para mim, é impensável jogar um copo de iogurte para o lixo. Mas no Luxemburgo, para além das garrafas de plástico, pacotes de leite e sumo, latas, embalagens de champô e detergentes, pouco mais vai para o contentor amarelo (ou, no caso do Luxemburgo, para o saco azul). Embalagens onde vem a carne e a fruta? Lixo. Pacotes de arroz vazios? Lixo. Invólucros de plástico? Esses reciclam-se. Mentirinha, também vão para o lixo.

6) Paga-se pelo corte do pão na padaria. Normalmente, 0,25€ ou 0,30€. Só dou a dica: comprem uma faca de pão. E uma máquina de pão, já agora, porque o pão do Luxemburgo não é lá grande coisa.

7) Não é fácil encontrar garrafões de água no supermercado. Ainda encontrei uns garrafões de 3 litros. Mas nunca de 5 litros. O motivo? Continuo à procura de respostas até hoje.

8) Encontrar queijo fresco à venda no supermercado é uma tarefa impossível. Aprendi que "fromage frais" não é bem queijo fresco, é mais queijo para barrar (tipo Philadelphia). Os queijos frescos que se cortam à fatia, como costumamos comer em Portugal, nem sinal deles.

9) Cidade ou Vila do Luxemburgo? Muitos portugueses residentes no Luxemburgo falam da Cidade do Luxemburgo (capital) como "a vila", pois fazem a tradução direta de "ville" (cidade em francês).

10) Há lugares onde só se fala luxemburguês. Por exemplo, muitos motoristas dos autocarros que vão para as pequenas localidades só falam luxemburguês. Em alguns restaurantes, o menu está apenas escrito em luxemburguês. Isto é sério. Quis comprar uma garrafa de água num McDonald's num dia de 30 e muitos graus, e a minha sorte foi haver uma portuguesa a trabalhar lá. Obrigada, portuguesa, por me salvares da desidratação. Tugas everywhere!

Luxemburgo, perdoo-te todas as doidices e defeitos. Continuo a adorar-te e a sentir-me incompleta, pois não consigo estar aí e em Portugal ao mesmo tempo. 💙 

29 comentários:

  1. É engraçado o pouco que sabemos sobre os outros países. Desconhecia muitas destas curiosidades que partilhaste sobre o Luxemburgo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É verdade. Há coisas que só sabemos quando visitamos um país ou moramos nele.

      Eliminar
  2. Só mesmo vivendo fora do nosso país é que podemos conhecer estas coisas engraçadas (ou não)! :D
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Exatamente :) Não são coisas que, por norma, os turistas fiquem a saber.
      Beijinhos!

      Eliminar
  3. Muito obrigada linda
    quanto aos decalque de água para usar nas unhas de gel acho que da para usar sim
    mas tentar testar e depois diz algo
    Beijinhos
    CantinhoDaSofia /Facebook /Intagram
    Tem post novos todos os dias

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Vou experimentar, sim. Gostei muito do efeito :)
      Beijinhos

      Eliminar
  4. Nice post!
    Thank you so much for your tips ^^

    | xoxo Donatella ♥ https://discoveringtrend.blogspot.it/ |

    ResponderEliminar
  5. Muito obrigado, querida! E devemos pensar sempre, sempre assim!

    Acho estes posts de uma utilidade extrema precisamente para podermos ver para além do óbvio :) Fiquei chocado por se pagar por cotar o pão :o

    NEW #DRESSTOIMPRESS POST | Knit Addict, YAY OR NAY?!
    InstagramFacebook Official PageMiguel Gouveia / Blog Pieces Of Me :D

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, eu acho um bocado ridículo xD Mas pronto, eles acham que tem de ser...

      Eliminar
  6. Curiosidades bastante interessantes. Também não me parece prático os sacos do lixo a porta. Engraçado que eles lá devem ter maior confiança e talvez menor criminalidade para não se ter de mostrar os passes! Cá seria impensável.
    Beijinhos

    Blog ChocoPink / Instagram / Facebook

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada! :) Sim, eu acho que fica feio, visualmente, e não é muito prático para quem tem de o fazer, não. Sim, eu acho que confiam muito, também. O Luxemburgo é um país muito seguro.
      Beijinhos

      Eliminar
  7. Moro há 5 anos em outra cidade e olha, é cada coisa estranha que a gente percebe com o passar do tempo, né? Não que a gente esteja reclamando, mas dá uma saudade da nossa cidadezinha <3

    mariasabetudo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É verdade. Acho que, quando estamos fora da nossa cidade, prestamos mais atenção aos detalhes diferentes. Claro, nenhum destes tópicos foi uma crítica, apenas achei curiosos estes aspetos :)

      Eliminar
  8. Muito obrigado pelas dicas, não fazia mesmo a menor ideia de todos esses factos.~
    A minha mãe já esteve uns meses no Luxemburgo e não gostou muito, mas também nunca revelou muito da sua temporada lá.

    MRS. MARGOT

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Que pena, Tiago! Às vezes acontece não nos identificarmos com o lugar. Lamento que a experiência da tua mãe não tenha sido a melhor. No Luxemburgo há os que se apaixonam e os que detestam. Não conheci muita gente que estivesse no meio.

      Eliminar
  9. Ahaha, tantas características peculiares!! Gostei de saber um pouco mais sobre o Luxemburgo ;P

    ResponderEliminar
  10. I love your blog! :)
    I follow you. ♡

    Check out my new post at:
    Shoot for the stars

    ResponderEliminar
  11. Acho que hoje em dia a agua das torneiras de qualquer pais nos seca a pele hehe :)
    Bjinhosss
    https://matildeferreira.co.uk/

    ResponderEliminar
  12. Nunca visitei o Luxemburgo, mas realmente é um país muito estranho x)

    https://mundodablue.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  13. Olá... A sério que se paga o corte do pão???? ahahaha
    Pois queijo fresco é algo que não assiste a este pessoal! E reciclagem quando vim não reciclavam plásticos, agora já há contentores e nalguns sítios até com alguma frequência mas não é homogéneo pelas cidades... Reciclar óleo ui, uma tarefa árdua...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, fiquei com cara de parva quando olhei para o talão xD
      Senti tantas saudades de queijo fresco durante três meses!
      Quanto à reciclagem, Portugal é muito atrasado em muita coisa, mas na reciclagem passa à frente de muitos países!

      Eliminar